Administradora do Aeroporto de Salvador busca expandir rotas

O turismo na Bahia está em baixa. As atividades ligadas ao setor registraram uma queda  de 4,6% no primeiro trimestre, segundo IBGE.

Se o quadro até março foi ruim, a Vinci, responsável por administrar o aeroporto de Salvador, aponta para um quadro de recuperação nos próximos meses.

A empresa ressalta que tem como estratégia expandir as rotas nos próximos meses e citou a retomada da ligação entre a capital baiana e os EUA em abril como sinal de melhora no setor.

Segundo a Vinci, as próximas rotas definidas partindo de Salvador são o voo da Cabo Verde Airlines para a Ilha do Sal, com saída três vezes por semana, e o voo diário da Gol para João Pessoa, que começam a operar em junho. “Também foi confirmado o novo voo da Copa Airlines para o Panamá, duas vezes por semana, partir de julho”, informa a concessionária.

A Setur diz que a expansão da malha aeroviária vem sendo buscada para evitar diminuição na procura por destinos baianos na baixa estação. De acordo com a pasta, a Bahia passará de 23 para 31 frequências internacionais regulares até julho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *