Cerca de 1,2 mil casos de estupro de vulnerável são registrados em um ano pelo MP-BA

Em apenas pouco mais de um ano, foram registrados por meio de inquéritos policiais, termos circunstanciados e notícias de fato, 1.241 casos de estupro de vulneráveis na Central de Inquéritos do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA). O órgão divulgou o número nesta quarta-feira (15).

Visando conscientizar a população a respeito da importância e formas de combate ao abuso e à exploração sexual contra crianças e adolescentes, o órgão criou a campanha “Meu corpo, Minha casa”. Segundo o MP-BA, a campanha “visa, de forma lúdica, despertar a atenção das crianças sobre a importância de se proteger contra tentativas de abuso”.

Divulgada durante o “Seminário 18 de Maio”, na sede do CAB, o evento aberto ao público homenageou o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *