Jovens de Lauro de Freitas prestam juramento à Bandeira Nacional

A Junta Militar de Lauro de Freitas realizou, nesta terça-feira (23), a Cerimônia de Certificação de Dispensa de Incorporação e de Compromisso à Bandeira Nacional. Cerca de 500 jovens participaram da solenidade no Ginásio Municipal de Esportes.
A prefeita Moema Gramacho falou do significado deste momento na vida dos brasileiros. “É um momento ímpar na vida de vocês. Mesmo sendo dispensados do serviço militar vocês estarão servindo ao país em cada demonstração do exercício de democracia conquistada com tanta luta pelo povo brasileiro.”
O major Rafael Silva, chefe do Posto de Recrutamento e Mobilização resgatou um pouco da história do militarismo no Brasil e chamou a atenção dos jovens para o exercício da cidadania mesmo fora das Forças Armadas. “Temos dispositivos legais que limitam a quantidade de recrutas no serviço militar. Ainda assim vocês que estão sendo dispensados estarão, ao jurar à bandeira, assumindo o compromisso com o país de desempenhar qualquer atividade que seja da melhor maneira. Seja educando seus filhos ou exercendo uma profissão.”

   
Observando o filho Luca Vincenzo durante o juramento, Eliana Velame falou da honra daquele momento. “Meu filho tem todo o incentivo para servir sua Pátria, mas teve a oportunidade de estudar fora do país e optou pela qualificação. E embora tenha dupla nacionalidade, italiana e brasileira, ele é muito apaixonado pelo Brasil”.
Gabriel Purificação de Souza, liberado por um problema de visão lamentou a dispensa. “Queria poder ajudar meu país, está lá junto com os outros em combate, mas vou desistir”.  O major Silva explicou que quem tivesse interesse em seguir a carreira militar existe outros meios além do alistamento. “Existem concursos que possibilitam uma carreira militar. Corram atrás e não desistam dos seus sonhos”, finalizou.
Ao final da cerimônia os jovens foram certificados e receberam a carteira de reservista.  O alistamento militar no Brasil é obrigatório para os cidadãos masculinos ao completarem 18 anos. O cidadão que não possui Certificado de Reservista pode ficar impossibilitado de exercer algumas atividades como trabalhar no serviço público e obter passaporte.
Fonte: ASCOM Prefeitura de Lauro de Freitas




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *