Neto lança Maia e promete ‘novo DEM’ ao assumir presidência

Aos gritos de “governador”, em uma plateia formada por integrantes do DEM e de partidos de centro, o prefeito de Salvador, ACM Neto, foi conduzido à presidência nacional da legenda. No entanto, ele preferiu não dedicar o pronunciamento à própria empreitada, que agora deve ser anunciada, segundo ele, até 7 de abril – antes o prazo era 15 de março.

No discurso, o gestor soteropolitano disse que a sigla passa a viver “um novo momento” a partir do seu comando.

“Um Democratas que se refunda, que dá um passo para ser o mais importante, aguerrido e qualificado partido de todo o Brasil. […] O Democratas vai abrir as portas para receber jovens de todo o Brasil. […] Nesse dia de hoje, tenho a responsabilidade de transmitir o sentimento desse novo DEM, e é o que vou fazer. Vocês vão ter a oportunidade de ver que construímos um manifesto, que é um pacto com o Brasil e com os brasileiros. Aí está inserido o nosso compromisso maior”, prometeu Neto.

O novo comandante do DEM também voltou a fala à reafirmação dos conceitos ideológicos do partido, que defende a “livre iniciativa”.

Sobre a possibilidade de o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, disputar o Palácio do Planalto, ACM Neto apostou que a agremiação vai ter um papel de “protagonismo”. “Estamos prontos para colocar em prática nossas ideias para o país. O DEM se sente preparado para indicar um candidato. Neste momento no Brasil, não há um quadro mais preparado do que Rodrigo Maia para presidir o país. […] O Brasil está cansado de candidato fabricado em estúdio de TV. Queremos alguém sério, de palavra. Por isso que convocamos toda a militância do DEM para irmos juntos”, clamou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *