Perícia de Lula aponta que Odebrecht fraudou provas em delação

Uma perícia contratada pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aponta que a construtora baiana Odebrecht apresentou documentos fraudados à Justiça como se fossem provas de repasses de propinas a políticos registrados no Drousys – o sistema de contabilidade paralela da empreiteira.

A Odebrecht tem rechaçado as acusações. Tem dito que colabora com as investigações e que os dados que corroboram sua delação premiada serviram de base para acordos já homologados pelas autoridades de diversos países.

De acordo com a coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, o especialista diz que alguns extratos têm marcas de montagem ou enxerto, e inconsistências em datas de transações e em assinaturas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *