Possível sucessor de Temer, Maia é alvo da Lava Jato em inquéritos no STF

Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil
O presidente da Câmara do Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), é alvo de dois inquéritos no Supremo tribunal Federal (STF) por causa das colaborações premiadas de ex-executivos da empreiteira Odebrecht na Operação Lava Jato, de acordo com o jornal Folha de S. Paulo. O democrata assumiria por 30 dias em caso de saída do presidente Michel Temer (PMDB), até a realização de novas eleições.
Em uma das investigações, os delatores da construtora afirmaram que foi feito um repasse de R$ 350 mil em 2008 a Maia, que teria afirmado que o valor seria usado para financiar as campanhas eleitorais de candidatos do DEM do Rio de Janeiro naquele ano.
Na eleição seguinte, em 2010, a Odebrecht pagou mais R$ 600 mil ao congressista, valor que serviria para abastecer a campanha do pai dele, Cesar Maia.
O presidente da Câmara também é acusado por ex-executivos da empresa em outra apuração no STF.
Fonte: Bahia.ba
Foto:Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *