Sindicato reduz layoff de 2.000 para 900 trabalhadores na Ford

Em reunião realizada na última quinta-feira (10) entre Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari e representantes da Ford, na sede do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), os dirigentes sindicais conseguiram reduzir ainda mais o número de trabalhadores em layoff no Complexo Ford.

A previsão da montadora era suspender o contrato de trabalho de 2.000 funcionários, mas durante a última reunião com a empresa, o Sindicato conseguiu reduzir esse número para 900. A conta ficou assim: dos 2.000 trabalhadores que sairiam no layoff, vão sair apenas 900 (2.000 – 900 = 1.100). Desses 1.100, se reduz ainda 440 trabalhadores, que adotaram o Plano de Demissão Voluntária (PDV), ficando 660 trabalhadores que não sairão em layoff, graças ao remanejamento sugerido pelo Sindicato e acordado na reunião com a Ford.

“Dessa forma, foi possível reduzir mais que a metade do número de trabalhadores que sairiam em layoff, como anunciado no final de 2015, com a suspensão do terceiro turno”, diz Júlio Bonfim, presidente do Sindicato.

 

Fonte: Camaçari Notícias

Foto: Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *