“Sou contra o foro privilegiado”, diz Alckmin

Pré-candidato a presidente da República, o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), disse ser contra o foro privilegiado – que permite que algumas autoridades sejam julgadas por tribunais superiores.

“Sou contra qualquer tipo de privilégio, sou contra o foro privilegiado. Todo mundo tem de prestar contas e acredito que a lei deve valer igualmente”, afirmou o tucano, em entrevista ao programa Band Eleições, da TV Bandeirantes, na madrugada desta terça-feira (10).

Alckmin disse que, se eleito, pretende ter política fiscal “rigorosa, com corte de despesas e combate à sonegação”. Ele voltou a elogiar ainda a atual condução da política monetária.

“[A política monetária] Está indo muito bem. Já disse e repito que, se eleito, pretendo manter Ilan Goldfajn na presidência do Banco Central”, pontuou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *