Nota crítica da Executiva do PT contra Rui é “descabida”, segundo Wagner

O senador Jaques Wagner (PT-BA) alegou ser “descabida” a nota da Executiva do PT, relacionada à polêmica em que o governador Baiano Rui Costa (PT) se envolveu ao conceder entrevista à Revista Veja. No dia Rui falou abertamente que poderá ser candidato à presidência da República em 2022.

Na ocisão o chefe do executivo declarou que “o partido não precisa levantar a bandeira Lula Livre para se fazer alianças”, gerando estranhamento com a executiva, que emitiu a nota informando que o partido discorda de Rui.

“A nota totalmente descabida, a nota da Executiva. Nunca vi fazer uma nota daquele tamanho para repreender ou atacar um governador do maior estado governado pelo PT e mais bem avaliado. Modéstia a parte nós fomos quem deu mais voto a Dilma e ao Haddad”, disse o senador, em entrevista à Mário Kertész, hoje (17).

Wagner comentou que a imprensa polemizou a entrevista, que ao ver dele foi “equilibrada”, além de afirmar que este não é o foco do partido ou de Rui, já que o país tem outros problemas a serem tratados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
YouTube
Instagram