Óleo atingiu 5 cidades baianas e já prejudica economia local

O óleo que se espalhou por toda a costa do Nordeste e já atingiu Jandaíra, Conde, Esplanada, Entre Rios e agora, Mata de São João.

Moradores e frequentadores da região identificaram a presença do petróleo na região onde fica o Tamar, já nas proximidades da Praia do Lorde, nesta manhã. A prefeitura acionou o Ibama e o Inema.

“A orientação é aguardar a chegada deles porque, antes de retirar (o material), é necessário fazer um protocolo de recolhimento estabelecido pela Petrobras. Ainda são pontos bem diminutos, mas infelizmente, existe essa triste realidade”, lamentou a coordenadora de licenciamento e fiscalização ambiental da prefeitura de Mata de São João, Yuka Fujiki.

Na terça, os pescadores do município de Conde que foram para o oceano tiveram que voltar para a terra firme, devido às manchas de óleo.

A decisão foi motivada pelo alerta da colônia de pescadores da cidade. O presidente da associação, Givaldo Batista dos Santos, explicou que os pescadores são instruídos a não saírem para o mar porque não se sabe se o óleo é prejudicial à saúde. De acordo com ele, os trabalhadores vão deixar de pescar cerca de uma tonelada por dia. Com o impedimento, os membros da colônia já estão perguntando para o presidente o que pode ser feito para manter o sustento da casa. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
YouTube
Instagram