Rui envia projeto de venda do colégio Odorico Tavares para ALBA com urgência

O governador Rui Costa (PT) encaminhou para Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA) um projeto que autoriza a gestão estadual a vender o terreno do Colégio Estadual Odorico Tavares, localizado na Avenida Sete de Setembro, em Salvador. O texto foi enviado com pedido de urgência ao Legislativo baiano. Por conta do recesso parlamentar, a convocação extraordinária dos deputados para apreciação e votação do projeto deve custar R$ 3 milhões aos cofres públicos.

A proposta tem como um dos artigos um trecho que versa sobre a destinação financeira da venda do terreno. Segundo o governo, o recurso será destinado à ampliação e melhora da rede física escolar da Bahia. De acordo com a Secretaria de Educação, a unidade escolar ofertava vagas da 1ª a 3ª série do Ensino Médio, com capacidade para atender 3.600 estudantes.

No entanto, segundo o governo, houve uma queda na procura por vagas nos últimos anos. Foram matriculados 1.056 alunos (2015); 1.022 (2016); 831 (2017); 529 (2018); e 308 (2019). Dos 308 estudantes matriculados em 2019, 132 estavam concluindo o Ensino Médio. Ainda segundo a pasta, está no programa de governo de Rui Costa a construção de 60 novas escolas na Bahia.

Em Salvador, há a promessa de que novas escolas serão construídas nos bairros de Paripe, Sussuarana, São Cristóvão, Imbuí, Vila Canária e Pau da Lima. A licitação para as primeiras cinco unidades será  publicada ainda neste mês de janeiro. 

Fonte: Bahia.ba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
YouTube
Instagram