Decreto autoriza governo a recolher álcool em gel e equipamentos de proteção


Diante da pandemia do coronavírus, o governo do Estado publicou ontem (19) um decreto que autoriza o recolhimento de antissépticos, como álcool em gel, além de itens de proteção individual, a exemplo de máscaras e luvas, em fábricas, nas sedes ou locais de armazenamento dos fabricantes, distribuidores e varejistas.

A assessoria de comunicação do governo esclareceu que os itens recolhidos serão ressarcidos com os pagamentos devidos às empresas. O recolhimento ocorre devido à necessidade de gestão do material pelo Estado, em razão da situação de emergência por conta do avanço da doença.

A medida foi autorizada pelo decreto 19.533, de 18 de março de 2020, que tem prazo de 180 dias, e pode ser prorrogado.

Segundo informações o site Metro1, um fornecedor relatou que equipes da Polícia Militar estariam na porta de fábricas para garantir a medida. “Nós ficamos com mãos atadas, sem saber o que fazer”,  disse ele, que teve que cancelar um pedido de compra de álcool em gel para um condomínio de Salvador.

Fonte:Metro1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
Facebook
YouTube
Instagram