Coronavírus deve levar a novo modo de vida, acredita fundador de instituição espírita


O psicólogo, escritor e fundador da Instituição Espírita Lar Harmonia, Adenáuer Novaes, disse hoje (20), em entrevista à Rádio Metrópole, que a pandemia do coronavírus pode levar a um novo modo de viver.

Na opinião dele, a humanidade estaria recebendo um “recado” com o avanço da doença, que é um fenômeno mundial. Ele considera que o momento é de “ampliação da consciência humana, quanto à natureza, àquilo que é invisível a  olho nu, à confraternização e ao entendimento das pessoas”. 

“Nós que somos figuras públicas temos dever não só de informar, mas de tranquilizar a população de que o que se avizinha é um novo modo de entender e viver a vida. Acho que é um modo melhor. É grave? É. Temos que ter todos os cuidados relacionados à saúde. Mas o que vem pela frente é algo positivo”, sugere.

“Porque as pessoas estão mais próximas umas das outras. Por causa dessa paralisação, os assaltos diminuíram, porque as pessoas não estão nas ruas. Isso vai tender a uma acomodação também. Quando retornar ao normal, e creio que será breve – o vírus não está com o avanço que estava no início e vai tender a normalidade, já começou na China, e vai tender em outros países e no Brasil – as pessoas vão começar a ver que têm que se relacionar umas com as outras, que têm que dialogar e ter paciência, têm que entender as pessoas. Vejo isso como prêmio de acomodação na sociedade mundial. As tensões desaparecem e os países não estão brigando uns com os outros. Então tudo tende a uma melhoria, em que pese a gravidade da situação”, completou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
Facebook
YouTube
Instagram