‘Não tem equipamentos para os leitos que montamos’, diz Rui Costa

O governador da Bahia, Rui Costa, reclamou da falta de insumos diante da crise do novo coronavírus, ainda com os esforços da gestão em aumentar o número de leitos para receber os pacientes com Covid-19. A declaração foi em entrevista à coluna de Chico Alves, do UOL. 

Ele criticou também a falta de coordenação do governo federal para lidar com a pandemia.

“Evidente que o maior entrave que nós vivemos no Brasil é a ausência de uma coordenação nacional e do governo federal, com sinais trocados, onde o ministro diz uma coisa e o presidente, à tarde, diz outra. Mas o maior problema é de fato a ausência de insumos. Esse é o maior drama, já que virou uma crise planetária e o mundo todo está comprando”, declarou.

Rui disse que os governadores estão tendo grandes dificuldades para comprar respiradores.

“Os governadores, prefeitos, foram rápidos para montar as estruturas. Estamos com estruturas prontas, mas estamos com um dilema: não tem insumo, não tem equipamento para abrir os leitos que nós montamos. Ou seja, não adianta o comportamento do presidente (Jair Bolsonaro), porque isso aí vai ser uma verdadeira carnificina se for feito no ritmo e na forma que ele está pregando”, afirmou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
YouTube
Instagram