Quatro profissionais de saúde da UPA de Itinga testam positivo para Covid-19

Quatro profissionais de saúde que trabalham na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Itinga, em Lauro de Freitas, testaram positivo para o novo coronavírus. Conforme fontes do Bahia Notícias nos órgãos de controle, os contaminados encontram-se afastados do trabalho, em isolamento domiciliar.

A confirmação foi obtida após a realização de testes rápidos, que ainda aguardam contraprova realizada pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen). Entretanto, outros profissionais de saúde da UPA de Itinga estão se organizando para cobrar um posicionamento das autoridades do município.

“Os gestores não estão orientados sobre os cuidados que devem ter com a equipe. No refeitório, todos comem juntos. Não há o distanciamento adequado, tanto no atendimento quanto no momento de descanso dos profissionais. Estávamos trabalhando inicialmente sem os equipamentos de proteção individual. Agora já chegaram”, revelou uma enfermeira, que preferiu não se identificar.

Profissionais da UPA de Itinga improvisavam capa de proteção para transferir pacientes com Covid-19 (Foto: Leitor / BN)

No WhatsApp, circula uma imagem em que os trabalhadores da UPA de Itinga pedem providências. “Profissionais de saúde do município de Lauro de Freitas infectados pelo descaso das autoridades. Secretaria de Saúde e prefeitura municipal já foram acionados, porém nada foi feito”, reclamam. “Se morrerem, quem cuida do povo? Quem ficará na linha de frente? Precisamos do apoio da população”, encerram o manifesto.

O Bahia Notícias entrou em contato com o diretor da UPA de Itinga, que preferiu não se manifestar. A central de atendimento sobre a Covid-19, da Secretaria Municipal de Saúde (Sesa), confirmou os casos positivos em testes rápidos, mas negou que faltem equipamentos adequados de proteção.

Confira, na íntegra, nota da Sesa encaminhada ao BN:

“A Secretaria de Saúde de Lauro de Freitas (Sesa) realizou testagem rápida para diagnóstico do coronavírus em todos os profissionais da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em Itinga. 

A ação faz parte de uma estratégia para detectar possíveis funcionários contaminados pelo patógeno uma vez que estes colaboradores possuem em média três vínculos empregatícios em unidades hospitalares de outros municípios. 

Neste domingo (03), dos 17 profissionais que realizaram o teste rápido, quatro deram positivos para coronavírus. Imediatamente a Comissão de Combate ao Coronavírus (CCC) enviou até a unidade uma equipe de enfermeiros para realizar a coleta de material que foi encaminhado para contraprova no Laboratório Central da Bahia (Lacen-Ba).

A Sesa informa que todos os profissionais positivados foram afastados de suas atribuições e seguem as orientações de isolamento social, sendo monitorados diariamente até a divulgação do resultado laboratorial.”

Fonte: Bahia Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
Facebook
YouTube
Instagram