Isolamento social causou crises de ansiedade e depressão em 38,9% dos baianos

O isolamento social interferiu no psicológico de 38,9% dos baianos, que relataram ter tido crises de ansiedade, depressão e outros problemas do tipo em meio à pandemia. O dado consta em um levantamento realizado pelo Instituto Paraná Pesquisas em parceria com o Bahia Notícias.

Os que negaram ter sofrido algum tipo de problema psicológico durante o período de isolamento representam maioria: 59,6%. Enquanto 1,4% não respondeu.

Entre as mulheres o índice das que reconheceram ter sofrido crises de ansiedade ou depressão neste período foi maior que entre os homens. Elas somam um índice de 42,2%, enquanto eles são 35,%.

Fonte:Bahia Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
Facebook
YouTube
Instagram