Lauro de Freitas: Manifestação por conta de rescisão não paga

Na manhã desta quarta-feira (10), na frente do Parque Shopping Bahia, sentindo Salvador, um grupo de pessoas se juntaram, para realizar uma pequena manifestação.

O objetivo do movimento era expor para a prefeitura de Lauro de Freitas a indignação de alguns ex-funcionários comissionados da pasta, pela demissão e a falta do pagamento de rescisão, que não ocorreu até o presente momento.

Ocorre que, como é de praxe, todos os anos de eleição municipal, as prefeituras realizam uma demissão em massa, no mês de dezembro e retomam as contratações a partir de Janeiro ou Fevereiro. O fato é que, seja por conta de um novo Gestor ou pela renovação do anterior, para viabilizar e separar a nova Gestão, os eleitos, entendem que o ato é necessário.

O problema neste ano se agravou por conta da pandemia. Como 2021 ainda é um ano atípico, diversas prefeituras necessitaram realizar a demissão em massa, pelos inúmeros gastos com medidas sanitárias urgentes, recomendadas pelo Ministério da Saúde e, optaram, aguardar para realizar novas contratações, pós pandemia ou, pelo menos, com grande parte da população imunizada.

Na cidade de Lauro de Freitas, não foi diferente. Atualmente a cidade que se destaca no combate ao coronavírus e na velocidade das vacinas, está apenas com os serviços essenciais funcionando e, mesmo estes serviços, encontram-se com quadro de funcionários reduzidos.

Com a manifestação, o trânsito por um período ficou lento na região, mas já foi normalizado. Veja o vídeo em nosso Instagram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
YouTube
Instagram