Bahia: Policiais civis destacam emoção de serem vacinados contra Covid-19

Imunização começou nesta quinta-feira (1º), em dois pontos de Salvador 

Na última quinta-feira (1), Policiais civis acima dos 50 anos, na ativa e lotados na capital baiana foram vacinados contra a Covid-19, nos dois postos situados no prédio-sede da Instituição, na Piedade, e na Universidade Católica do Salvador, em Pituaçu.  

O primeiro dia de vacinação contou com a presença do subsecretário de Segurança Pública, Hélio Jorge Paixão, do diretor do Departamento de Polícia Técnica, Elson Jeffeson, e da Delegada-Geral da Polícia Civil da Bahia, Heloísa Campos de Brito, que comemorou o início do processo de imunização.  

“Para a gente, é um dia muito feliz, muito importante. O início da vacinação dos policiais civis reflete o reconhecimento e o cuidado do nosso governador do estado, pela importância da Instituição. Ao longo desse período de pandemia, a Polícia Civil da Bahia não parou de trabalhar e continuou desenvolvendo suas atividades normalmente, registrando ocorrências, fazendo investigações e operações policiais. Entendemos que este momento é um marco histórico e uma conquista, porque permite que continuemos a exercer nossas atividades, minimizando bastante o risco de contaminação”, declarou. 

A primeira vacinada do dia foi a delegada Cristiane Abdon, da 28ª Delegacia Territorial (Nordeste de Amaralina). Ela, que tem 65 anos, festejou ter tomado a primeira dose da imunização. “Eu me sinto lisonjeada em tomar a vacina, porque o bem maior que existe é a vida, aquele bem que ninguém compra. E a Polícia Civil está de parabéns por conseguir para nós essa vacina, junto com a Saúde da Bahia e de Salvador”, afirmou.  

A investigadora Fátima Umberlino, lotada no Grupo Especializado de Repressão aos Crimes por Meios Eletrônicos (GME), lembrou dos tantos policiais que tiveram Covid-19. “Vacinar me despreocupa, por ficar imunizada para algo que está aí solta. Nosso trabalho é de risco, porque lidamos com usuários diversos, que vêm da rua”, declarou.  

Desde março de 2020, 2,4 mil policiais civis foram afastados em algum momento por suspeita de ter contraído a doença. 931 testaram positivo e 791 já se recuperaram. Foram 11 óbitos. As próximas datas de vacinação serão informadas pela Secretaria Municipal de Saúde.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
Facebook
YouTube
Instagram