Lauro de Freitas: Vacinação contra a gripe é aberta para todos os públicos

A Campanha de Vacinação contra a gripe já está disponível para todos os públicos (pessoas acima de 6 meses) em Lauro de Freitas. A ampliação acontece após recomendação do Ministério da Saúde devido a baixa adesão da população em todo o país. Até agora, o município tem apenas 24% do grupo prioritário vacinado.


O cidadão pode garantir a imunização de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 8h às 16h, nas salas de vacinação específicas para a administração das doses.  A Campanha ocorre todos os anos e tem como principal objetivo proteger contra três cepas do vírus Influenza (A H1N1 e H3N2 e B), e evitar o surgimento de possíveis complicações graves causadas pela gripe.  


A população deve se dirigir a uma das 11 salas de vacinação das Unidades de Saúde da Família Santa Bárbara, Parque São Paulo, Cidade Nova, Jardim Independência, Tarumã e Pastor Israel Moreira, em Itinga; em Portão, nas USFs Vila Nova e Noel Alves Cruz; em Areia Branca, na USF Antônio Carlos Rodrigues. No Jambeiro, a imunização é realizada na USF Padre João Abel, e no Capelão, na USF Manoel José Pereira.


Ainda existe a opção de receber a dose contra a gripe em outras cinco salas temporárias instaladas em locais estratégicos com horário de atendimento das 14h às 16h.  São eles: no drive do Ginásio do Aracuí (Centro), quando não houver vacinação da Covid-19; em Portão, na Escola Kleber Pacheco; Escola Dois de Julho e Escola Vovó Ciça, em Itinga; e na Escola Municipal Vida Nova.


O secretário municipal de Saúde, Augusto César Pereira, ressaltou a importância da vacina em época de pandemia. “Quando um indivíduo é acometido por um quadro gripal, a imunidade cai. Se for infectado pela Covid, o quadro pode ser ainda mais grave. Por isso, faço um apelo para que a população se dirija ao posto de vacinação e tome a vacina da gripe”, comentou.  

O titular da SESA também fez um apelo para o público mais jovem. “As pessoas que hoje não tem condições de ser vacinadas contra a Covid, por causa da idade, procurem um posto e se vacinem contra a gripe”.


Restrição  
A orientação é de que pessoas que apresentam sintomas de gripe ou febre aguardem 30 dias antes de receber a imunização contra a gripe. Já o público que recebeu a vacina contra o novo coronavírus deve aguardar 14 dias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
YouTube
Instagram