Brasil: Volume de vendas de resinas da Braskem no Brasil avança 10% no 2TRI21

A Braskem (BRKM5) divulgou na quinta-feira (22) seus dados preliminares referentes a sua produção e vendas no segundo trimestre deste ano. A companhia reportou um volume de vendas de resina no Brasil de 792,484 toneladas no período, que representou recuo 17% no em relação ao trimestre anterior e aumento de 10% se comparado a um ano antes.

A queda na comparação trimestral, segundo relatório da companhia, foi por conta da “redução de market share, principalmente, devido a parada geral de manutenção programada na central petroquímica do ABC, São Paulo e ao aumento dos volumes de importação”. Já o avanço, na comparação ano a ano, foi consequência da normalização na demanda do mercado brasileiro, que havia sido fortemente afetado pela pandemia da Covid-19.

No período, as exportações de resinas foram 4% maiores que no primeiro trimestre de 2021, especialmente pela disponibilidade de polietileno (PE) para venda no mercado externo, por conta da redução da demanda do produto no mercado interno. Já em relação ao segundo trimestre de 2020, houve uma queda de 46%.

Em relação aso principais químicos, no mercado brasileiro, o volume de vendas foi de 708,148 toneladas, queda de 10% em relação aos primeiros três meses de 2021, e avanço de 51% na comparação anual.

As exportações dos materiais também foram superiores se comparadas com o primeiro trimestre deste ano, a 18%, contudo, foram 37% menores em relação ao mesmo período em 2020.

A Braskem é a maior produtora de resinas termoplásticas da América e a maior produtora de polipropileno nos Estados Unidos.

Fonte: BPMoney

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
Facebook
YouTube
Instagram