Esporte: Brasil se garante nas eliminatórias nas disputas masculinas no sub-13 e no sub-11

O Brasil já começou com tudo no Campeonato Pan-Americano Sub-13 e Sub-11, que está acontecendo em Cuenca, no Equador.

A primeira qualificação brasileira foi garantida por Kenzo Yamane e Davi Fujii, que formam o Brasil 1 no sub-13. Para avançarem, os atletas venceram as duas partidas que tiveram pelo Grupo 3 e, com isso, já asseguraram a liderança do triangular. Primeiro, eles bateram o Equador 1 (Boris Villavicencio e Juan Martin Gonzalez) por 3 jogos a 1 e, depois, superaram Honduras 2 (Richard Ramirez e Allen Soto) por 3 a 0.  

Quem também garantiu um lugar nas eliminatórias é a equipe brasileira sub-11 masculina. Frederico Martins e Theo Tadima estavam inspirados, venceram as duas partidas que tiveram nesta segunda-feira pelo Grupo 4 e se asseguraram nas eliminatórias. Primeiro, eles derrotaram Porto Rico 2 (Sergio Bohorquez e Leonel Rivera) por 3 a 1 e, depois, passaram pelo Peru 2 (Carlos Calle e Oscar Huancaruna) por 3 a 0.

No sub-13 feminino, o Brasil 1, formado por Lana Ozeki e Ani Tadima, estão a um passo de terem o mesmo destino de seus compatriotas. Pelo Grupo 2, as brasileiras passaram pela equipe do Equador 2 (Maybelline Bravo e Belen Pacheco) por 3 a 2 e estão a uma vitória da classificação.

O treinador Jorge Fanck, que está acompanhando a delegação, avaliou como foi o dia de estreia dos jovens mesa-tenistas: “Hoje o início do dia foi bem puxado, muitos jogos, nervosismo da estreia. No decorrer do dia, os atletas foram se soltando, jogando mais à vontade e melhoraram muito o desempenho”.

“Estamos buscando nos adaptar ao ambiente e evoluir jogo a jogo. Os atletas estão muito focados e todo o auxílio dos técnicos e pais está colaborando para o bom andamento do evento”, complementou.


Outras equipes brasileiras também estrearam

O Brasil tem mais um representante no sub-13 masculino. A equipe número 2, formada por Felipe Lara e Vicenzo Nakashima, entrou em ação por duas vezes. Na primeira, os brasileiros acabaram sendo superados pelos Estados Unidos 1 (Mu Du e Stanley Hsu) por 3 a 1, enquanto, na segunda, eles triunfaram diante da Colômbia 2 (Juan Castano e Camilo Ramirez) por 3 a 0. Com os resultados, eles lideram o Grupo 2, mas ainda dependem do embate entre os dois adversários do dia para saberem se conseguem a classificação.

No sub-13 feminino, o Brasil 2 vai precisar vencer se quiser avançar para as eliminatórias. Pelo Grupo 1, Abigail Araujo e Gabrielle Pincerato foram à mesa contra o Equador 1 (Anie Rivadeneira e Nohelia Ortiz) e acabaram perdendo o embate por 3 a 2.

Quem já não tem mais chance de classificação é o time brasileiro sub-11 feminino. No Grupo 3, Alicia Andrade e Maiara Alves foram derrotadas nas duas oportunidades que estiveram em ação e, com isso, se despediram do torneio de equipes. Elas foram superadas pela República Dominicana 1 (Yandra Mejia e Eduanni Figueroa) por 3 a 1 e pelos Estados Unidos 1 (Geetha Krishna e Tashiya Piyadasa) por 3 a 0.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
Facebook
YouTube
Instagram