De colchões a garrafas pet, SESP retirou mais de 79 mil toneladas de lixo das ruas da cidade em 2021

Sofás, peças de fogão, muito resíduo de reforma de imóveis, colchões, poltronas, armários e milhares de garrafas pet estão entre os objetos recolhidos pelas equipes da secretaria nas ruas, rios e córregos da cidade.

A Secretaria Municipal de Serviços Públicos (SESP) fecha 2021 com o registro de mais de 79 mil toneladas de resíduos sólidos coletados nas ruas da cidade, 7.500 trocas de lâmpadas queimadas, além de serviços de limpeza manual e mecanizada em rios, córregos e canais.

A Secretaria destacou a importância das ações do órgão no combate à pandemia. Mesmo com as dificuldades impostas pela pandemia, as ações de rotina foram mantidas. Desde o início da pandemia, a SESP também realizou o serviço de desinfecção de órgãos e locais públicos como praças, estações de ônibus e metrô.

De janeiro a dezembro, a pasta também executou 1.580 serviços de substituição de lâmpadas de vapor de sódio por luminárias de LEDs e a implantação de 250 novos pontos de iluminação de vapor metálico, de acordo com dados disponibilizados pela secretaria.

Na limpeza urbana, além dos serviços de varrição de vias e logradouros públicos de domingo a domingo, foram realizadas ações contínuas com os serviços de congêneres (roçagem de mato em áreas públicas, pintura de meio-fio e capinação), limpeza da faixa de areia da praia em toda extensão da orla, serviços de mutirão de limpeza urbana nos bairros, coleta de resíduos sólidos de construção civil e verdes descartados irregularmente em áreas públicas.

Em paralelo a essas atividades, durante todo o ano a pasta intensificou a limpeza de rios, córregos e canais para evitar ocorrências em períodos chuvosos e contribuir com a preservação e limpeza do meio ambiente. A Sesp executou também a desobstrução de redes de drenagem e galerias de águas pluviais com equipamento a vácuo em diversos locais.

A relevância das atividades foi destacada pelo coordenador executivo da secretaria, Antônio Abreu. “É de suma importância as ações que a Sesp realizou ao longo do ano. A limpeza de todos os rios e córregos, em conjunto com as grandes obras do governo do estado, evitaram alagamentos nas chuvas”, contou.

A manutenção dos equipamentos públicos também recebeu destaque no período. Foram realizados os serviços de poda e erradicação de árvores em vias públicas, mediante apresentação de autorização expedida pela Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), limpeza e manutenção de praças e jardins.

No período, ainda foram realizados o serviço de Coleta Seletiva, através da Cooperativa dos Agentes Ecológicos de Lauro de Freitas – CAELF, a gestão de aterros contratado para destinação final ambientalmente adequada dos resíduos sólidos.

Antônio Abreu também destacou o serviço estratégico desempenhado pelo ecoponto, instalado no Miragem, que este ano recebeu mais de 600 toneladas de resíduos verdes (grama, folha e poda),  volumosos (móveis velhos), recicláveis (vidro, papel, plástico), e entulho da construção civil, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
Facebook
YouTube
Instagram