Lauro de Freitas: Centro Especializado em Reabilitação realizou mais de 20 mil atendimentos em 2021

Em uma tentativa de assalto, o disparo de arma de fogo deflagrado pelo agressor fez a vida de Denisson Santos mudar completamente há três meses. Na tragédia, o jovem de 23 anos, perdeu o movimento dos membros inferiores, mas manteve firme a fé e a coragem necessárias para retomar a vida e aos poucos, em cada avanço, pequenas vitórias diárias são conquistadas.

O estudante, morador da Itinga, é um dos pacientes assistidos pelo Centro Especializado em Reabilitação (CER). Mantido pela Prefeitura de Lauro de Freitas, a unidade realizou em 2021 mais de 20 mil atendimentos.

O equipamento funciona na Unime oferecendo, de segunda à sexta-feira, atendimento especializado para pessoas com deficiência física, intelectual e auditiva, com a assistência de uma equipe multidisciplinar composta por fonoaudiólogo, terapeuta ocupacional, psicólogo, assistente social, fisioterapeuta, enfermeiro, psicopedagogo e técnico de enfermagem.

As histórias de superação e força de vontade se misturam pelos corredores do CER. Segurando no colo seu bebê de seis meses que nasceu com problemas devido ao parto com sofrimento fetal, Leilane Santana diz que encontrou no CER uma nova família e o suporte que fará com que o pequeno se desenvolva normalmente. “Aqui meu filho é acompanhado por fisioterapeuta, fonoaudiólogo e neuropediatra. Desde que começou o tratamento ele fez grandes avanços e eu agradeço muito por termos este espaço”, falou.

Sentada, Adriana Correia se preparava para receber a pré-moldagem do canal auditivo, etapa que antecede a confecção do molde e posterior ao teste para a concessão do aparelho auditivo. A recepcionista conta que após ser contaminada com o coronavírus perdeu a audição do ouvido esquerdo subitamente. “Foi da noite para o dia. Um dia eu estava ouvindo bem e no outro não escutava mais nada. Isso afetou muito minha vida, e me atrapalha para pegar um transporte ou até para atravessar uma via. Estou muito feliz porque vou receber meu aparelho auditivo e ter a normalidade de volta à minha vida”, declarou.

O equipamento oferece desde a estimulação precoce, atendimento especializado em reabilitação, concessão e adaptação de tecnologia assistiva. O CER recebe pacientes de todas as idades, a partir dos primeiros meses de vida. “Todos os pacientes da unidade passam inicialmente por uma avaliação médica feita na Unidade de Saúde da Família, agendada na Central de Regulação e, após isso, o paciente com perfil CER, encaminhado pelo médico, inicia o acompanhamento multiprofissional”, explica a coordenadora do CER, Lea Mara Melo.

Estrutura

As dependências do CER estão de acordo com as normas regulamentadoras nacionais para acessibilidade a edificações, mobiliário e espaço. Na sala ampla para reabilitação física e intelectual, o atendimento humanizado e cuidadoso é realizado com o suporte de equipamentos como, por exemplo, bolas suíças, macas, tatame e barras paralelas com conforto térmico, acústico e luminoso.

Lea conta que, inicialmente, o equipamento lotado no Complexo de Clínicas Escolas da Unime era destinado apenas ao Serviço Especializado em Reabilitação Auditiva (SERA). “Este serviço, de abrangência regional, funcionou desde o ano de 2005 até 2015, retomando sua produção em 2019. Neste período, a unidade foi habilitada pelo Ministério da Saúde como Serviço de Atenção à Saúde Auditiva de Média Complexidade, fazendo parte da Rede Estadual de Atenção à Saúde Auditiva. Em abril de 2020 iniciamos o processo de solicitação de habilitação do CER com a ampliação da oferta de especialidades. Caso seja positivo, o CER receberá verba de custeio federal”, explica.

As principais condições de saúde atendidas no CER são: Surdez, TEA, Síndrome de Down, microcefalia, AVC, TCE, lesão medular, doenças congênitas, amputação, hidrocefalia, paralisia cerebral, paralisia facial, Doença de Parkinson, esclerose múltipla, HTLV, Esclerose Lateral Amiotrófica-ELA. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
Facebook
YouTube
Instagram