Esporte: Flavio Coelho conquista a medalha de ouro na primeira participação em eventos do circuito mundial

Um novo diamante já começou a escrever a sua história no tênis de mesa brasileiro. Flávio Coelho, de apenas 11 anos de idade, descoberto na última Detecção Regional de Talentos, no Rio de Janeiro, foi o grande campeão do WTT Youth Contender da categoria sub-11, nesta segunda-feira (9), na Villa Deportiva Nacional, em Lima, no Peru. O mesa-tenista de Goiânia debutou em competições do circuito mundial neste torneio.

A vitória de Flávio foi incontestável. Ele venceu todos os jogos da fase de grupos, passando em primeiro para a semifinal, quando bateu o peruano Oscar Huancaruna, por 3 a 0 (12/10, 11/2 e 11/2). Na decisão, ele não deu chances ao costa-ricense Lucca Lobo Diaz, vencendo novamente por 3 a 0 (11/5, 11/5 e 11/9). Foi campeão sem perder um único set.

“Estou me sentindo bem, feliz, consegui dar o meu melhor”, disse, ainda tímido com as palavras, o campeão, que participou do training camp da Seleção Brasileira, realizado entre o final de abril e início de maio, no Rio de Janeiro.

“Fiquei muito feliz com o desempenho do Flávio. Na categoria acima, um dia antes, ele se portou muito bem, teve bastante atitude, muito concentrado. Como teve um ótimo desempenho, era de se esperar que fosse bem no sub-11. Treinamos alguns detalhes antes e ele conseguiu efetuar todas as táticas. No jogo, conseguiu executar muito bem, conseguiu deixar o nervosismo de lado, que seria natural pelo fato de ser o primeiro torneio internacional, primeira viagem para fora do país”, avaliou a sua técnica pessoal, Lívia Gomes.

Flávio ainda conquistou mais um pódio em Lima. No sub-13, ele chegou na semifinal, quando foi superado pelo argentino Benjamin Archua, por 3 a 1 (6/11, 11/6, 5/11 e 8/11), ficando com a medalha de bronze.

Outros dois atletas conquistaram medalhas de prata em Lima. Felipe Arado, que eliminou dois brasileiros em sua trajetória – Nicolas Nishimura e Kenzo Carmo, foi superado na decisão da categoria sub-19, ao cair para o peruano Carlos Fernandez, por 3 a 0 (6/11, 7/11 e 4/11).

No sub-15, Felipe Lara também teve trajetória parecida. Ele eliminou, na sequência, os também brasileiros Hamilton Yamane e Augusto Andrade, chegando na decisão do título. Mas, acabou batido pelo dominicano Rafael Cabrera, por 3 a 1 (9/11, 9/11, 11/8 e 6/11).

Os resultados completos do WTT Youth Contender podem ser visualizados NESTE LINK.

Novo desafio

A partir desta terça-feira, os brasileiros encaram um novo desafio: é a vez do Campeonato Sul-Americano Sub-15 e Sub-19, também em Lima. Na primeira categoria, os mesa-tenisas que representarão nosso país no masculino são Felipe Lara, Vicenzo Nakashima, Hamilton Yamane e Davi Fujii. Já a equipe feminina é composta por Lana Ozeki, Mahayla Sardá, Karina Shiray e Beatriz Fiore.

Para a disputa do sub-19 masculino, o Brasil terá como representantes Henrique Noguti, Kenzo Carmo, Joon Shim e Leonardo Iizuka no masculino, com Laura Watanabe, Beatriz Kanashiro e Sabrina Miyabara atuando no feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook
Facebook
YouTube
Instagram